Residência italiana

  • Cliente: Residência Particular
  • Data: 2005

Toda a linguagem deste projeto foi baseada na colonização italiana e por isso, a seleção de materiais buscou reproduzir uma típica casa antiga da serra gaúcha. Tijolos, pedras antigas, madeiras de demolição, vasos de barro… tudo foi pensado para trazer o aconchego para este lar. Esta residência localizada em um condomínio fechado em Canela tem uma particularidade interessante: A frente da casa está voltada para uma esquina. Assim criamos dois caminhos curvos e sinuosos que convergem para um espaço mais amplo em frente a escadaria do acesso principal. Os caminhos foram feitos com pedra grês retirada de uma antiga taipa aproveitando material que sobrou da construção da casa mais brita zero rosada. Esse mesmo tom ocre dos revestimentos se buscou no mix selecionado para a  vegetação. Flores vermelhas apareceram graças as verbenas, os gerânios, os marmeleiros de jardim e os rododendros. Também conseguimos tons quentes nas folhas da pitanga anã, da fotínea e das azaléias de folha roxa. Outras plantas utilizadas para contrastar foram os pitosporos, lírios, liriopes e grinaldas de noiva. O projeto possui ainda uma horta bem generosa e um fogo de chão para os momentos de estar da família. Projeto arquitetônico arq. Zaira Schlieper.